Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  justiceiro em Sex 15 Mar - 0:33

Amigos do FPI observando muitos fóruns e tópicos por aí tenho visto muitos anúncios para venda de provedores.. quando postam dá até pena pois podemos perceber que o faturamento não chega sequer ao ideal valor de venda ... tendo em vista a situação precária de nossa economia me vem a pergunta, como um peque provedor pode sobreviver hoje em dia pagando todos os encargos e ainda por cima arcando com as manutenções ?
São cálculos simples ..vamos calcular em cima de um provedor com 150 clientes . com valores baixos e redondos apenas para exemplificar.
1- Com aluguel de ponto e torres é no mínimo R$ 1.000,00
2- Com encargos seja ele SCM ou SVA para estes 150 clientes tb fica em torno de uns R$ 1.000,00
3 -Com encargos da empresa ISS , funcionários , ICMS etc etc também +- R$ 1.000,00
4 - Link para atender estes clientes , mesmo que seja adsl no mínimo uns R$ 2.000,00 , colocando por baixo , pois existem locais que 1 mb de link ainda custam uma facada.
5- Manutenção mensal quando não ocorrem problemas como tempestades e outras coisas R$ 500,00
6- Manutenção da empresa como gasolina, manutenção de carro , materiais de escritório e outras coisas R$ 700,00
7- Salário de empregados R$ 2.000,00 ( contando com 3 empregados e apenas com salários mínimo )
O total desta brincadeira fica em torno de R$ 8.200,00
Se seus clientes pagarem uma média de 60,00 mensais sua arrecadação é de R$ 9.000,00 , se colocar uma inadimplência de apenas 5 % e olha que estou bonzinho sua arrecadação cai para R$ 8.550,00
Sem contar com imprevisto nenhum terá um lucro de que ? esta é a grande questão ..
Como eu disse estou sendo bonzinho , pois dependendo da situação as despesas aumentam assim como inadimplências e também valores de mensalidades que muitos já estão cobrando bem menos de R$60,00 .
Se errei em algum cálculo , despesas ou receitas me desculpem e me corrijam pois por estes dias estou meio disperso .
Deem suas opiniões ...
avatar
justiceiro
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 53
Pontos : 1843
Reputação : 1
Data de inscrição : 10/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Marcio Marques em Sex 15 Mar - 8:15

Grande questão que levantou meu amigo , realmente tenho visto vários provedores à venda que sequer chegam com seu faturamento perto das despesas , fico até com pena também de quem quer vender .
Em minha região link é caro , temos que aplicar preços mais baratos como R$ 39,00 e muita concorrência desleal.
Tenho as mesmas dúvidas que você assim como concordo com suas contas e não compreendo como ainda podemos sobreviver , existem provedores que conheço, que dizem que faturam bem , enquanto a realidade é outra , ou são loucos e mentirosos ou eu é que vivo em outro mundo .

Abraço !

_________________
Analista de Sistemas e Consultoria para Provedores de Internet
avatar
Marcio Marques
ADMINISTRADOR FUNDADOR
ADMINISTRADOR FUNDADOR

Mensagens : 1226
Pontos : 104704
Reputação : 3215
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 46
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://marquescsh.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Almir em Sex 15 Mar - 9:59

Eu sempre comentei que o caro não é a SCM 9.000,00, pois isso a gente paga em 3 parcelas a cada 6 meses e acabou,, a TFI também é barata, pois é anual.

O pessoal tem a mania de dizer que não se legaliza por causa da Anatel que cobra um abusro 9.000,00 de SCM, é a coisa mais barata que tem para se montar um provedor, pois vai dar uma entrada e vai pagar depois que já tiver clientes.

Voce esqueceu de colocar o Engenheiro,, vamos ser bonzinhos também e dizer que paga mais meio salário mínimo mensal. heheheh,, aumentou a despesa.

Eu quando entrei nessa fiquei desesperado nos primeiros meses, e já comecei com link dedicado, na épcoa 512 kbps. No primeiro dia de instalação depois que saiu minha licença da estação coloquei 5 clientes, me lembro bem foi em um sábado, tenho a maior alegria de dizer que o primeiro cliente ainda está comigo até hoje. Na época já havia 3 provedores na cidade, e não eram tão pequenos, hoje fico feliz, pois acho que sou o 2 provedor, e já são 12 ou 13 provedores na minha cidade, eu me coloco como pequeno, mas sei que para muitos aqui no fórun e em outro fórum diria que já somos grande. Eu só vou me considerar grande quando eu não precisar mais subir em torres, e sair no meio do mato fazendo levantamento, quando eu puder pagar um cara só pra fazer isso e pagar bem para ter um bom profissional, então acho que serei grande.

Mas como sobrevivemos: Fazendo a coisa certa, não economizando em material, colocando coisa boa, equipamentos bons nos clientes, procurando ser rápido nas manutenções, tanto nos clientes como nas torres, parando o sinal o menor tempo possível, se tiver que subir em uma torre ao meio dia de domingo tem que subir, já subi nesse horário e dia. Trabalhando assim consegui muitos clientes da concorrência, nunca fui atraz, pois acho isso a coisa mais feia a se fazer. Meus clientes fazem nossa propaganda, isso nos deixa feliz. É assim que estamos nos mantendo, pagamos todos os encargos e não são poucos, funcionário registrado, imposto de ISS do SVA, esse é pouco, imposto do SCM, tiramos nota fiscal do serviço prestado, embora os clientes domésticos não precisem e nem queiram, mas a nota é tirada, fica no provedor o mes todo se o cliente não vem pegar é porque não quer, mas o imposto é pago.

Eu comecei com três rádio APRouter WR254, homologado e pago muito caro na época, uma omini Ideal de 14 DBI, também homologada e muiiiito cara na época. Um dos rádios está colada na minha sala em nossa empresa, sempre olho pra ele e lembro do nosso início. Por incrível que pareca a omini está até hoje funcionando e atendendo 40 clientes em um bairro afastado onde ainda uso 2,4.

Então eu digo o seguinte, se quiser se manter no mercado atenda muito bem os clientes, cumpra o prometido, faça as coisas certas, tem cliente mala,, a se tem,, mas tem que ter um pouco de paciencia com esse cliente, pois ele pode te arrumar outros clientes bons. E algo que eu considero muito importante, agradecer todos os dia a DEUS, pois é ele que nos dá condições de levantar toda manhã e sair para matar mais um leão e voltar para casa no final da tarde.

Abraço a todos

Almir

Almir
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 81
Pontos : 2083
Reputação : 203
Data de inscrição : 02/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Marcio Marques em Sex 15 Mar - 10:13

Meu amigo Almir , vou te dizer uma coisa , ultimamente estou até com medo de fazer cálculos , você está corretíssimo quando afirma em dizer sobre tratar os clientes .
Este assunto levantado pelo nosso amigo justiceiro realmente é delicado pois cada região de nosso País assim como cada cidade ou município tem seus problemas assim como valores de links , impostos diferentes por cada estado, realmente não está fácil sobreviver , mas como você mesmo disse e também digo sempre , temos que matar um leão a cada dia.
Sinceramente gostaria de algum relato de algum pequeno provedor que estivesse tendo sucesso com uma boa margem de lucro .

Abraço !

_________________
Analista de Sistemas e Consultoria para Provedores de Internet
avatar
Marcio Marques
ADMINISTRADOR FUNDADOR
ADMINISTRADOR FUNDADOR

Mensagens : 1226
Pontos : 104704
Reputação : 3215
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 46
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://marquescsh.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Almir em Sex 15 Mar - 10:20

Grande Marcio,, tenho muito respeito pela sua coragem, pois lembro da briga no fórum concorrente,, hehehe..

Eu vejo assim, um provedor não tem muito lucro pois ele está em constante mudança, Aqui é assim, quando pensamos agora vai sobrar mais,, logo é outra torre, troca servidores. Agora por exemplo estamos fazendo uma expansão que não vai ser barata, mas se ficarmos quietos somos engolidos. Eu vejo alguns provedores aqui da região que se contentaram com uma ou duas torres, e já ficaram para tráz por muitos novos concorrentes. Eu vejo o lucro aplicado em equipamentos, veículos, terrenos onde estão as torres, nós pagamos aluguel de alguns e outros compramos, terrenos nos morros se compra barato e no final se paga e se tem o investimento. Mas um provedor acho que deve lucrar em torno de 30% já contando os investimentos.

Att

Almir

Almir
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 81
Pontos : 2083
Reputação : 203
Data de inscrição : 02/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  demattos em Sex 15 Mar - 10:25

Bom dia, irmao falou tudo, e assino embaixo

e o mais importante.

" E algo que eu considero muito importante, agradecer todos os dia a DEUS, pois é ele que nos dá condições de levantar toda manhã e sair para matar mais um leão e voltar para casa no final da tarde."

_________________
Rodrigo Rodrigues de Mattos
Téc. em Eletronica
Usuario Linux e mikrotik
avatar
demattos
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 674
Pontos : 103453
Reputação : 1609
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 40
Localização : criciuma / SC

Ver perfil do usuário http://www.criciumanet.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Marcio Marques em Sex 15 Mar - 10:35

Obrigado pelo elogio meu amigo Almir ! Também lhe considero muito , principalmente por seus comentários sinceros e sensatos .
Mas vamos lá , como eu disse , realmente lucrar 30 % é muito difícil afirmar devido a situação de cada um ..
Vou por exemplo citar meu relato , estou à 4 anos de puro prejuízo , fazendo apenas para sobreviver ..
Quando fui tirar meu próprio SCM , já com tudo encaminhado , documentos , homologações tudo tudo , aconteceram 3 tempestades uma atrás da outra que me tiraram do AR totalmente , não consegui pagar os R$ 9.000,00 pois perdi aproximadamente 300 clientes e ainda por cima um prejuízo em equipamentos de +- R$ 80.000,00 neste período citado , após isto foi um baque atrás do outro pois sabemos que nosso clima está louco.
Bom meu amigo é isto aí , como eu disse realmente é um assunto muito delicado devido a exatamente ter particularidades de concorrência , preços de links , diferença de impostos etc etc e também o aspecto cultural de cada região .
Hoje uso SVA e estou fazendo em breve uma parceria com quem tem SCM para abrir uma filial !

Abraço !

_________________
Analista de Sistemas e Consultoria para Provedores de Internet
avatar
Marcio Marques
ADMINISTRADOR FUNDADOR
ADMINISTRADOR FUNDADOR

Mensagens : 1226
Pontos : 104704
Reputação : 3215
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 46
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://marquescsh.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  justiceiro em Sex 15 Mar - 10:58

Almir escreveu:Voce esqueceu de colocar o Engenheiro,, vamos ser bonzinhos também e dizer que paga mais meio salário mínimo mensal. heheheh,, aumentou a despesa.

Obrigado por lembrar disto tb amigo .. estamos sendo bonzinhos mesmo .. se começarmos a ser mauzinhos e lembrarmos na ponta do lápis todas as despesas vamos pirar muita gente .rsrsrsr
avatar
justiceiro
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 53
Pontos : 1843
Reputação : 1
Data de inscrição : 10/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Almir em Sex 15 Mar - 11:05

É amigo Marcio,, voce matou todos os leões da África inteira,,, brincadeiras a parte.

Como disse um provedor está em constante movimentação de equipamentos e isso gera muito investimento. Agora perder 300 clientes numa pancada só e mais o prejuízo de 80.000 é muito dolorido. Isso faria muita gente desistir.

Eu logo no início levei uma martelada, um belo dia deu um temporal e derrubou uma torre autoportante nossa, foi um susto, e um prejuíso. A gente nessa hora chora. Nossa sorte é que na époco naquele bairro só estávamos nós atendendo e tinhamos nessa torre cerca de 25 clientes. Nossa sorte que não machucou ninguém, pois caiu em cima de uma casa, onde só quebrou as telhas, mas dai molhou o som, a tv e tivemos que pagar,, um treco velho que não tinha conserto, mas fazer o que tivemos que pagar. Fizemos uma correspondência informando todos os clientes o que tinha ocorrido, se bem que todos sabiam, e prometemos que em quinze dias a torre estaria levanda e funcionando novamente, e que seria descontado todos os dias parados na fatura dos clientes. Foi um sufoco, desmontamo a torre, ela foi refeita, usamos concreto usinado de secagem rápida, e nos exatos quinze dias, as 19:00 horas entrou no ar os 25 clientes, e no dia seguinte intalamos mais 3 naquele bairro. Não perdemos nenhum cliente, mas isso porque não tinha concorrência na época naquele bairro. Hoje lá tem 3 provedores que atende. Por isso que eu digo, todo dia eu agradeço a Deus pelo nosso trabalho e por cada cliente que Deus coloca em nossa empresa.

Abraço a todos.

Almir

Almir
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 81
Pontos : 2083
Reputação : 203
Data de inscrição : 02/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Marcio Marques em Sex 15 Mar - 11:11

Almir escreveu:É amigo Marcio,, voce matou todos os leões da África inteira,,, brincadeiras a parte.

Como disse um provedor está em constante movimentação de equipamentos e isso gera muito investimento. Agora perder 300 clientes numa pancada só e mais o prejuízo de 80.000 é muito dolorido. Isso faria muita gente desistir.

Eu logo no início levei uma martelada, um belo dia deu um temporal e derrubou uma torre autoportante nossa, foi um susto, e um prejuíso. A gente nessa hora chora. Nossa sorte é que na époco naquele bairro só estávamos nós atendendo e tinhamos nessa torre cerca de 25 clientes. Nossa sorte que não machucou ninguém, pois caiu em cima de uma casa, onde só quebrou as telhas, mas dai molhou o som, a tv e tivemos que pagar,, um treco velho que não tinha conserto, mas fazer o que tivemos que pagar. Fizemos uma correspondência informando todos os clientes o que tinha ocorrido, se bem que todos sabiam, e prometemos que em quinze dias a torre estaria levanda e funcionando novamente, e que seria descontado todos os dias parados na fatura dos clientes. Foi um sufoco, desmontamo a torre, ela foi refeita, usamos concreto usinado de secagem rápida, e nos exatos quinze dias, as 19:00 horas entrou no ar os 25 clientes, e no dia seguinte intalamos mais 3 naquele bairro. Não perdemos nenhum cliente, mas isso porque não tinha concorrência na época naquele bairro. Hoje lá tem 3 provedores que atende. Por isso que eu digo, todo dia eu agradeço a Deus pelo nosso trabalho e por cada cliente que Deus coloca em nossa empresa.

Abraço a todos.

Almir

Matei e comi eles ainda respirando rsrsrsrsr , realmente não é fácil meu amigo .
Na época perdi estes clientes devido ao fator VÍCIO , como eu disse , o fator cultural de cada região é muito expressivo e em minha região a 4 anos atrás quem ficasse sem internet enlouquecia , entrava no escritório aos gritos e não compreendia nada , o velox estava já chegando com as linhas , um concorrente novo se levantando e não tinha nada queimado pois não havia o que queimar , ou seja , vários fatores contribuíram para este prejuízo , mas agora o concorrente que não tinha nada para queimar , TEM , não que eu queira mau a ele , nada disto , mas citando o fato de que todos estão no mesmo barco ou no mesmo mar , enquanto um afunda o outro reforma o barco e continua navegando , até uma grande aparecer e afundar todos ,, e neste dilema vamos levando .

Abraço !

_________________
Analista de Sistemas e Consultoria para Provedores de Internet
avatar
Marcio Marques
ADMINISTRADOR FUNDADOR
ADMINISTRADOR FUNDADOR

Mensagens : 1226
Pontos : 104704
Reputação : 3215
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 46
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://marquescsh.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  girusnet em Dom 17 Mar - 13:13

Tenho passado por mau bocados e indecisões sobre o que fazer e como proceder , tendo em vista os relatos acima me identifico com muitos problemas como por exemplo problemas com queimas de aparelhos , decidir entre legalização própria ou não .
Fazendo meus cálculos a calculadora quase chega ao sinal negativo , realmente é um dilema dizer e aplicar tudo corretamente , sobrar dinheiro ao final do mês para pagar impostos , respirar e tentar seguir em frente . Como muitos tenho visto também amigos desistindo , mas desistir e fazer o que ? antigamente tínhamos um leque de opções , hoje em dia temos que nos agarrar ao que temos e dar um passo adiante todos os dias .
Se faremos legalmente aos olhos da tributação cabe a cada um decidir sobre estes conceitos.

_________________
Prevalecer o bom senso é o princípio da harmonia entre pessoas .
avatar
girusnet
Colaborador Iniciante
Colaborador Iniciante

Mensagens : 50
Pontos : 1779
Reputação : 0
Data de inscrição : 17/03/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  OSNIRAC em Seg 18 Mar - 9:08

Ao meu ver a única solução é trabalho duro e muita dedicação. Concorrência sempre existiu e sempre existirá, precisamos prestar o melhor serviço possivel, atender da melhor forma os clientes e cativa-los, investimento é necessário e tem que ser feito periódicamente, se hoje esta bom vamos melhorar aind mais, vamos investir em gerencia, em novas tecnologias e derrubar estas barreiras que surgem no dia a dia.

Começar grande ninguém aqui começou, eu lembro quando comecei meu provedor com sócio usando uma torrezinha de 18 metros com uma omni da ideal antenas e um ap sansung swl3300, tudo foi muito dificil, a oi assinou contrato conosco garantindo entregar 1mb com 30 dias e demorou 10 meses para entregar, tivemos que contratar link via satélite para iniciar nossas atividades, penamos um bocado mas tudo acabou melhorando... uma jornada longa e dificil... hoje os desafios são outros, não tenho mais sócios e me dedico ao maximo a minha empresa, quando viajo fico monitorando tudo a distancia, telefone sempre ligado, atendendo os clientes e dando satisfação ou tentando ajuda-los com seus problemas, esta é a diferença que os pequenos podem fazer, ser mais versáteis e mais proximos dos seus clientes, hoje tem velox em minha cidade e não perdemos nem 5 clientes para eles, pois eles não tem suporte rápido e eficaz.

Quando falo em investimento falo em dedicar boa parte do que ganhamos em tecnologia de ponta, acabei de vender um server core i7, 16 gb de memoria, 4 hds em gabinete rack da chembro com fonte thermaltek, placa intel e aceleradora de video... tudo por 2.400,00... quase que dado, pois não se monta uma máquina igual a esta por menos de 3.500,00... comprei um servidor IBM, depois de pronto com 48gb, 8 hds (1 velociraptor de 300gb + 7 western digital de 1tb), gavetas para hds tudo vai ficar em quase 10.000,00... tudo para usar o thunder 7.1, estarei comprando mais um server IBM para virtualizar minhas aplicações (server dns, sistema de automação provedor, servidor windows, Mikrotik), hoje temos server dell rodando algumas aplicações, ja contratei mais um link para redundancia em minha rede, proximo passo montar uma rede adsl e uma rede fibra ótica, começo agora em abril, vou colocar postes próprios (canos de 3 pol galvanizados em paralelo com os postes da consecionária de energia), cheguei a esta conclusão depois de ver com a prefeitura se seria possivel, e sim é possivel, me pediram um projeto e estou levando entre hoje e amanhã, cada poste custará menos de 150,00 já instalados, minha prioridade é colocar 65 postes em uma rota pré definida, depois expandir... só de projeto para locação dos postes custaria mais de 5.000,00 em qualquer empresa, depois pagar aluguel mensal e curtir mesmo assim os descuidos que os funcionários tem com relação a sua rede não dá, postes são meus, se danificar algo entramos com um processo para reparar e nos idenizar pelos danos causados.

Acabei de tirar minha SCM, fiz tudo parcelado pois não tinha dinheiro suficiente, estou já cadastrando minha estação graças a Deus e a muito esforço, e este é o caminho certo a seguir, nem fiscais nem ninguém poderá ficar pisando em seus calos e tripudiando sobre suas dificuldades, o melhor caminho é estar correto e em dias com suas obrigações.

Alguns podem pensar, mas ele é grande, mas ele tem dinheiro... mas a resposta é não, não sou grande, não tenho dinheiro... sou um batalhador como todos aqui, e que precisam se educar e reinvestir parte do seu dinheiro que é fruto do trabalho que sua empresa te dá e merece investimentos se vocês querem crescer.

Tudo isso amigos resulta em um serviço sólido, confiável e sem dor de cabeça, temos um up de mais ou menos 2 anos sem uma parada em nosso datacenter (pequeno, modesto mas com tudo que podemos ter de melhor).

Então fica a dica, muito trabalho, muito investimento... lembrei aqui uma frase que vi no youtube dita por Silvio Santos: " Ganha-se dinheiro com 10% de inspiração e 90% de transpiração".

OSNIRAC
Colaborador Iniciante
Colaborador Iniciante

Mensagens : 19
Pontos : 1792
Reputação : 0
Data de inscrição : 14/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Almir em Seg 18 Mar - 10:06

OSNIRAC escreveu:Começar grande ninguém aqui começou, eu lembro quando comecei meu provedor com sócio usando uma torrezinha de 18 metros com uma omni da ideal antenas e um ap sansung swl3300, tudo foi muito dificil.

Então fica a dica, muito trabalho, muito investimento... lembrei aqui uma frase que vi no youtube dita por Silvio Santos: " Ganha-se dinheiro com 10% de inspiração e 90% de transpiração".

Parabéns OSNIRAC, é assim mesmo, muito esforço e muito trabalho.

Seja muito bem vindo , são empreendedores assim que nosso fórum precisa.

Abraços

Almir

Almir
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 81
Pontos : 2083
Reputação : 203
Data de inscrição : 02/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  justiceiro em Seg 18 Mar - 10:21

OSNIRAC escreveu:Ao meu ver a única solução é trabalho duro e muita dedicação. Concorrência sempre existiu e sempre existirá, precisamos prestar o melhor serviço possivel, atender da melhor forma os clientes e cativa-los, investimento é necessário e tem que ser feito periódicamente, se hoje esta bom vamos melhorar aind mais, vamos investir em gerencia, em novas tecnologias e derrubar estas barreiras que surgem no dia a dia.

Começar grande ninguém aqui começou, eu lembro quando comecei meu provedor com sócio usando uma torrezinha de 18 metros com uma omni da ideal antenas e um ap sansung swl3300, tudo foi muito dificil, a oi assinou contrato conosco garantindo entregar 1mb com 30 dias e demorou 10 meses para entregar, tivemos que contratar link via satélite para iniciar nossas atividades, penamos um bocado mas tudo acabou melhorando... uma jornada longa e dificil... hoje os desafios são outros, não tenho mais sócios e me dedico ao maximo a minha empresa, quando viajo fico monitorando tudo a distancia, telefone sempre ligado, atendendo os clientes e dando satisfação ou tentando ajuda-los com seus problemas, esta é a diferença que os pequenos podem fazer, ser mais versáteis e mais proximos dos seus clientes, hoje tem velox em minha cidade e não perdemos nem 5 clientes para eles, pois eles não tem suporte rápido e eficaz.

Quando falo em investimento falo em dedicar boa parte do que ganhamos em tecnologia de ponta, acabei de vender um server core i7, 16 gb de memoria, 4 hds em gabinete rack da chembro com fonte thermaltek, placa intel e aceleradora de video... tudo por 2.400,00... quase que dado, pois não se monta uma máquina igual a esta por menos de 3.500,00... comprei um servidor IBM, depois de pronto com 48gb, 8 hds (1 velociraptor de 300gb + 7 western digital de 1tb), gavetas para hds tudo vai ficar em quase 10.000,00... tudo para usar o thunder 7.1, estarei comprando mais um server IBM para virtualizar minhas aplicações (server dns, sistema de automação provedor, servidor windows, Mikrotik), hoje temos server dell rodando algumas aplicações, ja contratei mais um link para redundancia em minha rede, proximo passo montar uma rede adsl e uma rede fibra ótica, começo agora em abril, vou colocar postes próprios (canos de 3 pol galvanizados em paralelo com os postes da consecionária de energia), cheguei a esta conclusão depois de ver com a prefeitura se seria possivel, e sim é possivel, me pediram um projeto e estou levando entre hoje e amanhã, cada poste custará menos de 150,00 já instalados, minha prioridade é colocar 65 postes em uma rota pré definida, depois expandir... só de projeto para locação dos postes custaria mais de 5.000,00 em qualquer empresa, depois pagar aluguel mensal e curtir mesmo assim os descuidos que os funcionários tem com relação a sua rede não dá, postes são meus, se danificar algo entramos com um processo para reparar e nos idenizar pelos danos causados.

Acabei de tirar minha SCM, fiz tudo parcelado pois não tinha dinheiro suficiente, estou já cadastrando minha estação graças a Deus e a muito esforço, e este é o caminho certo a seguir, nem fiscais nem ninguém poderá ficar pisando em seus calos e tripudiando sobre suas dificuldades, o melhor caminho é estar correto e em dias com suas obrigações.

Alguns podem pensar, mas ele é grande, mas ele tem dinheiro... mas a resposta é não, não sou grande, não tenho dinheiro... sou um batalhador como todos aqui, e que precisam se educar e reinvestir parte do seu dinheiro que é fruto do trabalho que sua empresa te dá e merece investimentos se vocês querem crescer.

Tudo isso amigos resulta em um serviço sólido, confiável e sem dor de cabeça, temos um up de mais ou menos 2 anos sem uma parada em nosso datacenter (pequeno, modesto mas com tudo que podemos ter de melhor).

Então fica a dica, muito trabalho, muito investimento... lembrei aqui uma frase que vi no youtube dita por Silvio Santos: " Ganha-se dinheiro com 10% de inspiração e 90% de transpiração".

Sábias palavras , infelizmente existem casos e casos , situações e situações , como o Marcio relatou acima por exemplo com os problemas que teve, também tenho os meus , link ainda com preço exorbitante , empregados que não trabalham direito , inadimplência alta entre outros fatores .
Para quem ainda pode ver um futuro , deve sim , correr atrás e fazer acontecer mas em certos casos e situações fica difícil , muito difícil.
avatar
justiceiro
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 53
Pontos : 1843
Reputação : 1
Data de inscrição : 10/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  OSNIRAC em Seg 18 Mar - 11:13

Amigos, sei que cada caso é um caso, eu tenho média de 500 clientes, pago link de 220,00/mb, agora vou pagar mais 20mb para redundancia a 150,00 só para ter ainda mais qualidade, pois falhas ocorrem com qualquer operadora. Eu acredito muito no que faço, desanimar eu ja desanimei, mas gosto do ramo, gosto de lidar com tecnologia e não vejo outro meio que me de resultados com tão pouco tempo. Não sobra muito, mas levamos a vida e nenhuma empresa que vocês possam fundar irá deixa-los ricos do dia pra noite, sabemos que os lucros são bons neste ramo, então invistam em infraestrutura, treine seus funcionários e procurem dar o melhor de si. A burocracia existe, mas um SCM é de suma importancia hoje em dia.

Quanto a funcionários, procure acompanha-los, treinar da melhor forma possivel, se não se adequarem as suas necessidades e as necessidades da sua empresa então troque-os " não existe ninguem tão bom que seja insubstituivel", pelo menos para mim meus clientes estão sempre em primeiro lugar... e saibam que mesmo com tantos esforços perdemos sim clientes, por promessas da consorrência, por preços impraticáveis que eles anunciam... mas procuramos fazer o melhor e mais cedo ou mais tarde o reconhecimento virá.


Já ouvi várias discurções sobre cooperativismo ou sociedade LTDA, esta seria uma forma de driblarmos as dificuldades hoje em dia, mas o brasileiro não tem o espirito solidário nem gosta de compartilhar nada, mas seria um modelo ideal para se trabalhar, imaginem só 4 a 6 provedores em uma determinada região se unindo para trabalhar em comum, todos com o mesmo objetivo " crescer", ninguem levaria vantagem em nada, cada um teria sua cota na empresa e trabalharia normalmente como um dos donos, quem tem maior numero de clientes terá mais ações, quem tem menos terá menos ações, mas o rendimento será o mesmo ou maior, pois teriamos menos despesas com funcionários, menor despesas com link além do melhor aproveitamento, convergiriamos todos os recursos e equipamentos e montariamos um poderoso datacenter com 2 links, cache de primeira e uma rede de alta capacidade cortando todas as rotas atendidas.

Uma central de atendimento, funcionarios habilitados a desempenhar cada um sua função dentro da empresa, monitoramento 24 horas de toda a rede...

Sobraria mais tempo, mais dinheiro e no fim uma satisfação pessoal muito grande.

A luta continua, e como bons brasileiros não desistimos nunca...

OSNIRAC
Colaborador Iniciante
Colaborador Iniciante

Mensagens : 19
Pontos : 1792
Reputação : 0
Data de inscrição : 14/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  demattos em Sex 22 Mar - 6:47

OSNIRAC escreveu:Amigos, sei que cada caso é um caso, eu tenho média de 500 clientes, pago link de 220,00/mb, agora vou pagar mais 20mb para redundancia a 150,00 só para ter ainda mais qualidade, pois falhas ocorrem com qualquer operadora. Eu acredito muito no que faço, desanimar eu ja desanimei, mas gosto do ramo, gosto de lidar com tecnologia e não vejo outro meio que me de resultados com tão pouco tempo. Não sobra muito, mas levamos a vida e nenhuma empresa que vocês possam fundar irá deixa-los ricos do dia pra noite, sabemos que os lucros são bons neste ramo, então invistam em infraestrutura, treine seus funcionários e procurem dar o melhor de si. A burocracia existe, mas um SCM é de suma importancia hoje em dia.

Quanto a funcionários, procure acompanha-los, treinar da melhor forma possivel, se não se adequarem as suas necessidades e as necessidades da sua empresa então troque-os " não existe ninguem tão bom que seja insubstituivel", pelo menos para mim meus clientes estão sempre em primeiro lugar... e saibam que mesmo com tantos esforços perdemos sim clientes, por promessas da consorrência, por preços impraticáveis que eles anunciam... mas procuramos fazer o melhor e mais cedo ou mais tarde o reconhecimento virá.


Já ouvi várias discurções sobre cooperativismo ou sociedade LTDA, esta seria uma forma de driblarmos as dificuldades hoje em dia, mas o brasileiro não tem o espirito solidário nem gosta de compartilhar nada, mas seria um modelo ideal para se trabalhar, imaginem só 4 a 6 provedores em uma determinada região se unindo para trabalhar em comum, todos com o mesmo objetivo " crescer", ninguem levaria vantagem em nada, cada um teria sua cota na empresa e trabalharia normalmente como um dos donos, quem tem maior numero de clientes terá mais ações, quem tem menos terá menos ações, mas o rendimento será o mesmo ou maior, pois teriamos menos despesas com funcionários, menor despesas com link além do melhor aproveitamento, convergiriamos todos os recursos e equipamentos e montariamos um poderoso datacenter com 2 links, cache de primeira e uma rede de alta capacidade cortando todas as rotas atendidas.

Uma central de atendimento, funcionarios habilitados a desempenhar cada um sua função dentro da empresa, monitoramento 24 horas de toda a rede...

Sobraria mais tempo, mais dinheiro e no fim uma satisfação pessoal muito grande.

A luta continua, e como bons brasileiros não desistimos nunca...

Bom dia, você descreveu o sonho dos que realmente estão nesta atividade por amor ao que faz, cada detalhe da empresa da rede e feita com o coração, cada palavra sua me vi nos esforços não só visando o lucro, claro que este e a melhor parte poque assim a satisfação e completa. de juntar vários provedores já apresentei propostas a 3 aqui que disputam comigo cada cliente, um ja esta na empreitado e estamos unindo as redes e balanceando as despesas e o árduo trabalho de bem atender e oferecer o melhor serviço, por que cliente e difícil de agradar rsrsr.


termino com sua frase.


A luta continua, e como bons brasileiros nao desistimos nunca....

_________________
Rodrigo Rodrigues de Mattos
Téc. em Eletronica
Usuario Linux e mikrotik
avatar
demattos
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 674
Pontos : 103453
Reputação : 1609
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 40
Localização : criciuma / SC

Ver perfil do usuário http://www.criciumanet.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  OSNIRAC em Sex 22 Mar - 8:15

É isso ai rodrigo, pena que aqui não temos diálogo com os concorrentes, são pessoas dificieis e acham que o sol deve brilhar apenas para um, não tem nem como imaginar em dar errado uma parceria ou uma sociedade como esta... troca de conhecimento, qualidade e estabilidade no serviço, redução de despesas, menos trabalho, mais organização... o retorno financeiro seria no minimo 30% a mais que o atual, trabalhariamos menos, teriamos como tirar aquelas velhas férias acumuladas pois teriamos outros sócios cuidando da empresa e tudo bem administrado e controlado.

Imagine a seguinte infraestrutura:

- central de atendimento com suporte tecnico e telefone 0800 = 2 funcionários
- almoxarifado para controle de tudo que entra e sai do deposito e estoque = 1 funcionário
- central de relacionamento e pós venda = 1 funcionário
- administração, financeiro e assuntos relacionados SCM = 3 funcionarios
- diretoria formada pelos sócios onde todas as estratégias são decididas
- técnicos de acordo com a necessidade e numero de cidades atendidas
- veiculos de acordo com a necessidade e numero de cidades atendidas

Suponhamos que sejam 3 provedores, um com 45% outro com 30% e outro com 25%

Todos trabalham 8 horas diárias como qualquer trabalhador, cada um recebe 3 salários minimos mensal e baseado no faturamento da empresa já descontado impostos, salários e outras despesas ficaria retido na conta da empresa 25% do lucro liquido para investimentos futuros em equipamentos, manutenção de veiculos e outros... o restante é rateado proporcionalmente a cada sócio.

Imaginem o crescimento desta empresa ja que todos estão trabalhando em prol do mesmo sonho, imaginem quantos novos clientes captados semanalmente e mensalmente, imaginem a redução de inadiplencia pois reduzimos o numero de provedores para onde eles recorreriam, imaginem a qualidade do serviço de uma empresa como esta.

Sem se falar em redução nas despesas com link dedicado, menos impostos, menos despesas com funcionários, menor carga de trabalho... instalações modernas, confortáveis...

Isso é possivel, basta querer, basta que pessoas comecem a agir como empreendedores de verdade, é muito mais fácil dar as mãos e trabalhar do que tentar chegar sozinho... pois o tempo é curto e tudo passa muito rápido.

OSNIRAC
Colaborador Iniciante
Colaborador Iniciante

Mensagens : 19
Pontos : 1792
Reputação : 0
Data de inscrição : 14/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Marcio Marques em Sex 22 Mar - 8:38

Pois é meu amigo , nós até começamos a debater sobre este assunto aqui http://fpibrasil.forumeiros.com/t342-fusao-entre-provedores-locais?highlight=fus%C3%A3o , porém existem pensamentos e pensamentos , como você mesmo disse e também em minha visão e entendimento seria uma maravilha a união , inclusive o inadimplente não teria escolha de ficar pulando de provedor para provedor , porém a ignorância paira em cima da cabeça de muitos e preferem afundar sozinhos do que prosperar juntos.
Fazer o que não é .

Grande Abraço !

_________________
Analista de Sistemas e Consultoria para Provedores de Internet
avatar
Marcio Marques
ADMINISTRADOR FUNDADOR
ADMINISTRADOR FUNDADOR

Mensagens : 1226
Pontos : 104704
Reputação : 3215
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 46
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://marquescsh.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Marcio Marques em Dom 24 Mar - 20:54

Pessoal venho até vocês compartilhar algo que fiz em meu provedor para tentar alavancar mais instalações assim como tentar incentivar meu empregados a trabalharem melhor e assim tendo também a chance de melhorar seus salários .

- Ao meu gerente dei uma parte de minha rede que equivale ao salário dele , bom , agora só depende dele aumentar o próprio salário buscando mais clientes , a partir daí ele ganha o que a rede pagar para ele , fiquei isento do salário dele , daí podem se perguntar , mas o que eu ganharei com isto , a resposta é , ele conseguindo mais clientes na rede que dei para ele , com certeza os que clientes que irão entrar nesta rede poderão fazer propaganda para os outros futuros clientes poderão entrar em minhas outras redes , assim como também incentivei o mesmo a melhorar seu salário, ou seja , dei um futuro para ele , mas deixo claro que este gerente que tenho , fez por onde merecer , pois ele está comigo a aproximadamente 7 anos e é um parceirão . Ele merece .

- Aos instaladores ofereci um % mensal de cada cliente que eles indicarem , fora o salário deles é claro , ou seja , cada um ganhará uma comissão mensal por cada cliente que entrar em meu provedor que for indicado por eles .

Vamos ver como as coisas vão se encaminhar pessoal, estou fazendo o que posso para ajudar e ser ajudado , pois estamos em tempos difíceis.

Grande Abraço a todos !

_________________
Analista de Sistemas e Consultoria para Provedores de Internet
avatar
Marcio Marques
ADMINISTRADOR FUNDADOR
ADMINISTRADOR FUNDADOR

Mensagens : 1226
Pontos : 104704
Reputação : 3215
Data de inscrição : 02/02/2012
Idade : 46
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://marquescsh.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Almir em Seg 25 Mar - 7:55

Uma medida bem eficaz a sua.

Eu aqui faço assim,, procuro pagar melhor os funcionários que vejo que merecem, sempre que dá eles ganham um a+, no final do ano uma bonificação extra, eles merecem. Assim eles não tem preguiça de ficar um pouquinho mais alem do horário para terminar uma instalação ou uma manutenção.

Sempre pagamos um curso para eles, só este ano já foram dois cursos, um presencial e um on-lne.

Para nossos clientes que indicam um cliente, estes ganham a mensalidade do mes. Isso funciona muito bem, e um cliente fazendo propaganda é melhor que eu fazer a propaganda. Sempre pergunto ao cliente quem indicou ele, e ficamos felizes em saber que sempre é um outro cliente.

Assim vamos crescendo, ganhamos muito mais clientes dos concorrentes do que perdemos, isso nos deixa muito contentes, pois nunca até hoje fomos atraz de um cliente do concorrente, eles é que nos procuram.

Sabemos de concorrentes nosso que batem na porta dos nossos clientes oferecendo vantagens, mais velocidade, meses de graça, mas graças ao nosso trabalho e a bondade de Deus, não perdemos clientes por esta prática desonesta de concorrentes.

Abraço a todos e boa semana de trabalho e novos clientes.

Almir - CIABRASNET - Central Brasileira de Internet Ltda / PVST/SPV 444/2009

Almir
MODERADOR
MODERADOR

Mensagens : 81
Pontos : 2083
Reputação : 203
Data de inscrição : 02/01/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  girusnet em Ter 26 Mar - 9:32

Almir escreveu:Uma medida bem eficaz a sua.

Eu aqui faço assim,, procuro pagar melhor os funcionários que vejo que merecem, sempre que dá eles ganham um a+, no final do ano uma bonificação extra, eles merecem. Assim eles não tem preguiça de ficar um pouquinho mais alem do horário para terminar uma instalação ou uma manutenção.

Sempre pagamos um curso para eles, só este ano já foram dois cursos, um presencial e um on-lne.

Para nossos clientes que indicam um cliente, estes ganham a mensalidade do mes. Isso funciona muito bem, e um cliente fazendo propaganda é melhor que eu fazer a propaganda. Sempre pergunto ao cliente quem indicou ele, e ficamos felizes em saber que sempre é um outro cliente.

Assim vamos crescendo, ganhamos muito mais clientes dos concorrentes do que perdemos, isso nos deixa muito contentes, pois nunca até hoje fomos atraz de um cliente do concorrente, eles é que nos procuram.

Sabemos de concorrentes nosso que batem na porta dos nossos clientes oferecendo vantagens, mais velocidade, meses de graça, mas graças ao nosso trabalho e a bondade de Deus, não perdemos clientes por esta prática desonesta de concorrentes.

Abraço a todos e boa semana de trabalho e novos clientes.

Almir - CIABRASNET - Central Brasileira de Internet Ltda / PVST/SPV 444/2009

Boas palavras amigo Almir , com certeza tocar um provedor em total legalidade é quase impossível , mas honestamente é totalmente possível e correto.
Meus parabéns !

_________________
Prevalecer o bom senso é o princípio da harmonia entre pessoas .
avatar
girusnet
Colaborador Iniciante
Colaborador Iniciante

Mensagens : 50
Pontos : 1779
Reputação : 0
Data de inscrição : 17/03/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

associação e agregação scm

Mensagem  provedorlegal em Qui 9 Maio - 13:10

Prezados amigos.

Este tópico é crucial para a sobrevivência do pequeno provedor.
Se nós repararmos a natureza veremos que o homem é um animal fraco perante os animais .
Vamos observar que ele superou esta fraqueza com a sua capacidade de se unir.

O pequeno provedor para sobreviver com dignidade tem que se unir em volta de uma entidade que defenda os seus direitos., e que traga benefícios para a categoria.

Gostaria que vocês conhecem esta entidade e participem com sugestões e questionamentos.
Agindo assim tenho certeza que todos saem ganhando.

O site da entidade é www.indepi.comunidades.net

Obrigado

provedorlegal
Iniciante
Iniciante

Mensagens : 9
Pontos : 1673
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pequenos Provedores, como sobreviver legalmente?

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum